HOMEM FOI ATROPELADO NA BR 330

04/11/2011 17:13

03 de Novembro de 2011

DIA DE FINADOS EM JITAUNA

Postado por Neilton Brito

3/11/2011

           

Foi intensa a movimentação no cemitério da cidade de Jitauna neste 2 de novembro, Dia de Finados. Os católicos celebraram missa logo cedo, às 9 horas da manhã. Grupos evangélicos também fizeram orações. Os portões foram abertos ao amanhecer e que centenas de pessoas visitaram os cemitérios neste feriado de Finados. Não só o da cidade mais também os da Zona Rural como o de Santa Terezinha, Rio Preto do Costa e Ribeirão da Mata. O exemplo dos anos anteriores, o cemitério da cidade hoje está bem mais cuidado que o ano passado, motivo de elogios por parte dos visitantes. 

HOMEM FOI ATROPELADO NA BR 330

Postado por Neilton Brito

3/11/2011

Um senhor, de nome Rosival Rosário Santos, 34 anos foi atropelado por um Ford K no começo desta semana na noite de segunda (31-10), por volta de 18h00, na BR 330 subida para Praça do Cruzeiro, Rosival andava de Bicicleta no momento em que foi atropelado.

O local é de travessia e e preciso atenção e o homem tentou atravessar, mais foi surpreendido com o veiculo que segundo informações o condutor não deu sinal que entraria na Rua e um deles não conseguiu desviar da vítima que acabou atingida.

O homem teve corte profundo na cabeça e nas pernas, o mesmo foi socorrido pelo condutor e encaminhado ao Hospital Nossa Senhora de Fátima sendo posteriormente conduzido para o Hospital Prado Valadares em Jequié.

FUTURO GREGO SERÁ DECIDIDO COM REUNIÃO

Postado por Neilton Brito

3/11/2011

Reunião de gabinete decide futuro do governo grego

"George Papandreou. Foto: Reuters"

George Papandreou, primeiro-ministro grego, participa nesta quinta-feira (3/11) de uma reunião de emergência de seu gabinete. Realizado em meio a uma grave crise política, aprofundada pela divisão em torno do referendo sobre o pacote de ajuda europeu, o encontro deverá decidir o futuro do governo de Papandreou.

Nesta quinta-feira, foram divulgados relatos conflitantes sobre a situação do premiê. Enquanto fontes ligadas ao governo chegaram a dizer à BBC que Papandreou renunciaria ao cargo, a TV estatal grega informou que o primeiro-ministro, durante a reunião de gabinete, teria dito que ficaria no cargo.

Há relatos de que os ministros estão pressionando Papandreou a deixar o poder, abrindo espaço para um governo de união nacional, com o ex-presidente do Banco Central grego Lucas Papademos à sua frente.

O governo grego se encontra à beira do colapso, depois que quatro ministros, incluindo o ministro das Finanças, Evangelos Venizelos, afirmaram que não apoiam o plano de Papandreou de realizar um referendo popular sobre o último pacote de ajuda financeira ao país aprovado pela União Europeia.

Além disso, pelo menos três deputados da situação devem votar contra Papandreou em uma votação de desconfiança que o governo enfrentará nesta sexta-feira.

Como a maioria controlada pelo governo é magra - 152 cadeiras de um total de 300 -, a deserção mesmo de três deputados significaria o fim da linha para o governo de Papandreou.

Sem a confiança do Parlamento, o gabinete será dissolvido e novas eleições serão convocadas.

Referendo

O governo está dividido entre realizar ou não o referendo. A data da votação ainda não foi definida, mas a ideia é que seja no início de dezembro.